5 tendências do mercado em 2017

5 dicas para manter a concentração no ambiente de trabalho
20 de dezembro de 2016
Os perigos do QI (Quem Indica)
16 de janeiro de 2017

O primeiro questionamento das pessoas para este ano é sobre o futuro do mercado: a crise continua? Vai impactar este ano?

Bom, infelizmente a resposta para o ano todo é incerta. O que se sabe, por agora, é que ela continua pelo menos até o meio do ano. Entretanto, a tendência é melhorar.

Mas a parte boa é: sua estabilidade ou o seu futuro no mercado não depende só da crise. Depende de você e das tendências que o mercado vai ditar para este ano! Acompanhe as mais importantes:

1- Autosuficiência

Cada vez mais (principalmente em período de crise) tempo é dinheiro. O mercado vai procurar por profissionais autossuficientes, que sejam capazes de resolver certos problemas sem a necessidade de passar pela hierarquia burocrática de uma empresa (que, aliás, tende a ser diminuída e otimizada).

2- Capacidade de arriscar

O quanto você é disposto a arriscar? É importante colocar em prática a teoria do copo, meio cheio ou meio vazio – mas o seu deve estar sempre meio cheio. Se o erro trouxe prejuízo, paciência, pois vai te dar experiência. O importante é sempre arriscar e testar novas ideias!

3- Integração

As empresas estão cada vez mais contratando freelancers, permitindo home office e flexibilidade no trabalho (há colaboradores que são contratados apenas para alguns projetos, por exemplo!).

4- Repertório

Essa palavra é importantíssima. Como anda seu repertório? O mercado precisa de pessoas que conheçam um pouco de tudo, saibam um pouco de cada área e estejam prontos para improvisar em determinadas funções.

5- Conexão

O Conect-Ação é uma nova tendência, que preza que o cliente tem que fazer parte do todo, de todo o processo como se fosse parte da equipe. Além disso, o projeto deve ser gerenciado de maneira que seja bom e suficiente para todos os envolvidos.

Como isso tudo funciona na sua empresa? Quais as tendências que já foram implantadas? Conte nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *