Aquele cargo não era para ser seu?

Os 5 erros mais comuns cometidos por líderes.
29 de agosto de 2018

Você está feliz com a sua posição atual na empresa ou almeja outros cargos?

Posso dizer que, principalmente em ambientes profissionais, todos aspiram determinados cargos, ou seja, posições – muitas vezes de destaque – que representam o reconhecimento da empresa. Não é mesmo?

 

E como você se sentiria se alguém chegasse antes de você nesse tão sonhado lugar?

 

O primeiro pensamento, na maioria das vezes, é: “mas será que ele merecia mais do que eu?”.

 

Diante desse tipo de situação, há 3 comportamentos típicos observados nos profissionais:

 

  1. Há quem se revolta e, por isso, faz “pirraça” para mostrar sua insatisfação;

 

  1. Há outros que se conformam com a situação e então continuam o seu trabalho da mesma forma;

 

  1. Mas, por outro lado, há profissionais que fazem uma autorreflexão para entender, de fato, o que falta neles para estarem realmente prontos para aquele lugar.

 

Se ambos são bem qualificados, bons profissionais e competentes… “Por que ele e não eu?”

Antes de te responder, quero te dizer porque sei essa resposta!

Além de especialista em persuasão e argumentação, tenho também anos de experiência como empreendedora e, por isso, estabeleço, diariamente, contato com colaboradores, gestores e empresários de inúmeras empresas que me relatam essa “dor”: a dor de não se sentirem reconhecidos profissionalmente.


Voltando à pergunta, respondo que os motivos são: insegurança, ausência de autoconfiança e, principalmente, dificuldade em se posicionar e argumentar diante dos outros.

 

E, por isso, para aqueles que se encaixam no terceiro perfil  eu digo que, na grande maioria dos casos, o impedimento em conseguir aquele cargo está na ausência de habilidades comunicativas, persuasivas e, também, na dificuldade em conseguir mostrar realmente todo o conhecimento, competência e autoridade desse profissional.

 

Caso você se encaixe nos dois primeiros perfis, a dica de ouro de hoje é: pense de outra forma e seja aquele que mesmo frustrado, vai procurar entender e se aperfeiçoar em relação às habilidades que faltam para alcançar aquela posição.

 

O que falta é a postura de líder!

São poucos  profissionais que realmente conseguem criar um posicionamento e uma autoridade que realmente permitam que ele mostre suas ideias, sugira propostas, se blinde contra ataques vindos de seus interlocutores e tenha excelentes resultados.

Isso é fato!

 

E agora você está diante de uma importante decisão.

 

Então, se você deseja:

Construir um posicionamento diferenciado

Saber argumentar

Conseguir se posicionar de forma coerente…

Ter, em mãos, estratégias e técnicas para ser um líder de alto impacto reconhecido

Alcançar cargos que sempre sonhou…

Ser inspiração para os outros…

Você precisa ter um diálogo poderoso. Você precisa do Diálogos de Poder!

Não perca essa incrível oportunidade!

O Melhor Curso de Persuasão e Argumentação

18 de outubro. São Paulo. A partir das 9h!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *