E se der um branco no meio de uma apresentação?

Síndrome do papel em branco
1 de novembro de 2016
As eleições dos EUA ainda não acabaram!
22 de novembro de 2016

Eu já falei aqui sobre a síndrome do papel em branco.

Mas, convenhamos: enquanto você escreve, a insegurança é menor. Você tem tempo para pensar, filtrar as ideias, reagir…
Agora, imagina se esse branco te afeta no meio de uma apresentação? Você pode até ter se preparado bem e estudado bastante, mas o nervosismo pode te pegar na hora. E isso é normal!

Mas quando isso acontecer, o que fazer e qual a melhor maneira de reagir? (Sem passar vergonha, de preferência! haha). É nisso que vou te ajudar hoje!
Quando o palestrante ou representante sobe ao palco, o que causa o famoso “branco” é o nervosismo, que o faz se sentir ameaçado – e essa ameaça significa medo de ser julgado ou mal-interpretado pela plateia. É sempre uma situação embaraçosa, mas a primeira coisa a ser feita é manter a calma.
Depois disso, essas dicas com certeza vão te ajudar:

1- Vá além

Não se prenda a estudar apenas o que está nos slides. Um bom interlocutor é aquele que domina o tema – até porque, se não te der branco na hora da apresentação, alguém pode vir a te perguntar algo e você não saber responder. A insegurança e a falta de embasamento sobre o assunto pode prejudicar sua credibilidade.

2- Planeje-se

Já percebeu que eu falo aqui sobre planejamento para TUDO? Pois é, essa palavra é importante até para a sua apresentação. Claro que, às vezes, ficamos sabendo de certas apresentações de última hora, mas o quanto mais você puder se planejar, melhor. Faça seus slides com muitos dias de antecedência, passe, repasse, saiba o conteúdo.

3- Mas não decore!

Seu professor já deve ter dito isso, mas nós vamos repetir: decorar não é aprender. Se você não absorver o conteúdo, pode acabar tendo o famoso “branco” – e não queremos isso. Se você apenas decorar, não vai estar preparado para as perguntas ou, pior ainda, e se algo acontecer com os seus slides? Parte da técnica para uma boa apresentação também inclui saber se portar numa situação de improviso. Mas, basicamente, se você estudar e souber o assunto, não tem erro!

Agora, se você quiser a dica número 4, eu te conto aqui. E essa, eu te garanto que é essencial para que você não caia na armadilha do pensamento em branco!

Mas e aí, já te deu AQUELE branco durante uma apresentação? Depois que você colocar tudo isso em prática, conta pra mim nos comentários 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *