Síndrome do papel em branco

4 coisas que um profissional de RH nunca deve fazer
25 de outubro de 2016
E se der um branco no meio de uma apresentação?
8 de novembro de 2016
E é por isso que precisamos falar sobre Criatividade!
Mas vamos começar do começo: criatividade, de acordo com o dicionário, quer dizer “inteligência e talento, natos ou adquiridos, para inovar”. Ou seja, talvez a sua síndrome do papel em branco não dure para sempre – é possível que você apenas não saiba as técnicas necessárias para utilizar.
Entretanto, no ambiente de trabalho, a criatividade (ou melhor, a falta dela) pode te bloquear.  Você já se sentou na frente do computador para escrever aquele relatório ou documento importante para a empresa e de repente…desapareceu a ideia, a inspiração, tudo? Ou ainda, você já se viu sem criatividade para solucionar um problema que a empresa tem?
Cuidado! – isso pode afetar E MUITO o seu rendimento, a sua produtividade e a sua rotina na empresa (e, consequentemente, se você é parte de uma equipe e falha, o time inteiro sofre!). Por isso, se você quer tomar a atitude certa, começar com essas dicas é essencial. Olha só:
1- Escreva o que vier à mente
Você já ouviu falar em Brainstorm? É uma tática muito utilizada por grandes empresas, referências do marketing e agências de publicidade para ter ideias boas. Essa prática consiste em escrever qualquer coisa que vier à cabeça em um papel. E, destas palavras ou frases que você escreveu, pelo menos uma é ou vai ser tornar uma boa ideia”
2- Se atente aos seus limites
Uma ideia boa não necessariamente vem rápido! (Pelo contrário, inclusive, as melhores ideias vieram a longo prazo). Aquele comercial de tv que você adora, envolveu muito planejamento antecedente para que a ideia virasse o que virou!
3- Pratique!
Faça um exercício com você mesmo: todos os dias, se proponha a escrever algo novo. Um relatório, uma lista de metas, uma frase, uma redação, um texto qualquer sobre a vida…qualquer coisa. Depois, liste um problema que a sua empresa (ou a sua vida!) tem, e tente propor uma solução. Dessa forma, você exercita sua criatividade todos os dias!
Com mais criatividade, a sua comunicação (escrita principalmente!) melhora muito, ao mesmo tempo em que, com uma comunicação melhor, você desenvolve a sua criatividade. E, para te ajudar nisso, é só tomar a atitude certa, como já fizeram milhares de pessoas e empresas bem-sucedidas! É simples. Aqui eu vou te contar qual é.
Vamos começar a colocar tudo isso em prática HOJE? Depois, conte nos comentários se deu certo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *